SERVIÇOS ONLINE

Regulamento Interno

 A Ouvidoria é um órgão de comunicação que visa a obter e oportunizar críticas,sugestões, reclamações e opiniões sobre a Instituição, por meio de mensagens eletrônicas, telefone, caixas de opiniões e atendimento pessoal, e tem como objetivos:

 

I - Assessorar a Reitoria quanto aos itens de maior incidência ou de maior relevância, com o fim precípuo de reestruturação de ações e procedimentos para toda a comunidade acadêmica;

II - Orientar a comunidade acadêmica em relação à utilização da Ouvidoria;

III - Identificar as demandas e suas respectivas formas de resolução, dando condução às necessidades de docentes e discentes; e

IV - Permitir a participação efetiva da comunidade, tendo em vista a melhoria das condutas acadêmicas e administrativas.

Art. 93 - A função de Ouvidor será exercida por um profissional indicado pela Reitoria, ouvida a Entidade Mantenedora.

Art. 94 - A Ouvidoria tem como atribuições:

I – Permitir o acesso dos discentes e docentes que tenham questões relativas à administração, às atividades acadêmicas e pedagógicas, não atendidas ou esclarecidas pelos meios regulares de atendimento;

II – Receber e analisar situações de conflito e, após sua análise, oferecer orientações e encaminhamento de providências solucionadoras, compatíveis com as boas práticas da gestão, respeitando o regimento da Instituição;

III – Desenvolver suas atividades com integridade, transparência e cortesia, com o objetivo de prevenir conflitos e solucionar divergências;

IV – Zelar pela confidencialidade de suas intervenções, restringindo as informações aos níveis de relacionamento necessários para a solução dos problemas;

V – Manter registros dos atendimentos encaminhados à Ouvidoria, guardando sigilo sobre a identificação dos solicitantes; e

VI – Sugerir, com base nos atendimentos prestados, ações de melhoria dos sistemas de atendimento administrativo, acadêmico e pedagógico.

Art. 95 - As demandas para a Ouvidoria devem obedecer como trâmite:

I - A Ouvidoria deve certificar-se de que o interessado utilizou, antecipadamente, os meios regulares representados pela estrutura organizacional para a obtenção de informações e solução de problemas;

II - A Ouvidoria deve verificar que todos os assuntos recebidos tenham sido objeto de apreciação dos setores competentes, antes de sua entrada para a Ouvidoria;

III - O atendimento por via eletrônica deverá gerar protocolo de atendimento com data e horário, e será motivo de retorno e confirmação da aceitação da demanda pela Ouvidoria.

 

§ 1° - A Ouvidoria deverá receber inclusive solicitações anônimas, e no caso de identificações da demanda, a Ouvidoria tem por obrigação a preservação dos interessados que com ela fizerem contato.

§ 2o - A Ouvidoria se presta a receber reclamações, sugestões e elogios de qualquer natureza, no campo administrativo, acadêmico e pedagógico.

§ 3o - Somente serão aceitas as demandas realizadas de acordo com o rigor de conduta e respeito por parte dos autores.

§ 4o - As demandas desrespeitosas poderão ser encaminhadas à Reitoria e seu autor estará sujeito às punições previstas no Regimento da Instituição.

§ 5o A Ouvidoria acompanhará até a decisão do pedido, devendo ser informada das ações realizadas em decorrência do procedimento adotado.

Art. 96 - Todas as solicitações à Ouvidoria são cadastradas no sistema de registros da Ouvidoria, constando:

I - Data de entrada da demanda;
II - Natureza da demanda;
III - Procedimentos de solução do conflito; e IV - Data de retorno ao solicitante.

 

Contato e Atendimento:

http://uniptan.edu.br/ouvidoriauniptan